VOLTAR

 Paulo Bindo

 Formado em Análise de Sistemas, 8 anos de ERP Microsiga,
 Certificação MCSE e MCDBA


 Colunista mensal do site HelpMaisFacil.
 E-mail
: paulo.bindo@helpmaisfacil.com.br


Instalando o MSSQL 2005 para o Protheus.

Os componentes do MSSQL 2005 precisam ser instalados em duas etapas, a do Server e a do Visual Studio, não faz diferença a seqüência da instalação uma vez que o Visual Studio é o gerenciador gráfico do MSSQL 2005 e pode ser instalado nas estações para administração do MSSQL 2005; Após a instalação de um dos itens instale o SP2 do MSSQL 2005, o mesmo está disponível no site da Microsoft.

No meu caso estou instalando o MSSQL 2005 versão Standard em um Windows Vista Business, porém não existe diferença ao instalar em um Windows 2003 Server, vamos seguir os passos:

Clique em 

 

Confirme os termos de licenciamento e clique em Next:

 

O instalador fará uma verificação dos pré-requisitos:

 

 

O instalador fará uma checagem do seu hardware, estando tudo ok será apresentada uma nova Tela:

 

Clique em “Next” e será verificada as configurações do seu sistema operacional. No meu caso não foi identificado a instalação do IIS, porém eu posso prosseguir uma vez que esta funcionalidade não é essencial para o funcionamento do MSSQL 2005. Somente para explanar o IIS é utilizado na criação de relatórios, o MSSQL 2005 publica automaticamente no IIS e os usuários da sua intranet podem acessá-los conforme segurança da sua rede.

 

 

Nosso próximo passo é colocar o nome do servidor e da Empresa(opcional):

 

 

 

Na próxima tela do assistente é apresentado quais itens queremos instalar, por padrão não vem nada habilitado, isto é uma medida adotada pela Microsoft em Softwares de servidores a fim de evitar invasões, clique com o botão direito no “X” e selecione os itens desejados. No meu caso pretendo instalar tudo.

Obs: Caso queira clicar em “Next” sem selecionar algum item a instalação não prosseguirá.

 

 

 

 

Após selecionar os itens o botão  ficará habilitado, por padrão a instalação ocorrerá em “Arquivo de programas”, eu costumo instalar direto na raiz, assim facilita a seleção de arquivos, geração de planos de manutenção...

Alguns DBAs costumam criar uma nova partição para o MSSQL, caso seja no mesmo disco não fará diferença em desempenho ou segurança, seria apenas uma forma de organização. Um servidor com muitas partições pode futuramente limitá-lo em relação ao espaço da partição, o ideal é não particionar, principalmente em se tratando de base de dados.

 

 

Nossa próxima tela é a de envio de erros automaticamente a Microsoft e envio da forma que você utiliza o software. Eu costumo habilitar os dois, já utilizo o MSSQL desde 2005 e nunca tive erro de aplicação. Quanto ao envio da forma que utilizo é muito útil, pois a Microsoft pode conhecer melhor nossas necessidades e aprimorar seus aplicativos.

 

 

O último passo é clicar em “Install”:

 

 

 

Aguarde alguns minutos, dependendo do seu hardware:

 

 

No final será exibida uma tela de término da instalação, nela existe o Summary Log, contendo todos as funcionalidades instaladas, locais de instalação e o status de cada uma.

 

Agora vamos instalar o servidor MSSQL 2005, clique no disco2 e no arquivo de setup para iniciar a instalação:

 

 

Aceite os termos de condições e clique em “Next”:

 

 

Na próxima tela serão instalados os arquivos necessários para a instalação:

 

Novamente serão checadas as configurações dos serviços instalados. O MSSQL 2005 faz novamente esta checagem pelo motivo do Server exigir configurações diferentes do Visual Studio.

 

 

O MSSQL 2005 faz uma preparação:

 

 

E o próximo passo será a licença:

 

Em nossa próxima etapa será exibida a tela de serviços a serem instalados. Vamos clicar em para modificar o local de instalação.

 

 

 

Nossa primeira tela “avançada” é a de seleção de componentes e de local de instalação. Vocês verão que os serviços do MSSQL 2005 já vem selecionados, isto porque já havíamos selecionado os check Box na tela anterior. Eu alterei novamente o caminho do MSSQL 2005, facilitando assim a administração do mesmo. O Visual Studio pode ficar em um lugar diferente do MSSQL 2005.

 

 

 

 

Nossa próxima etapa será definir a Instância do MSSQL 2005, deixe o padrão oferecido pelo MSSQL 2005. Caso esteja instalando uma segunda instância deve colocar um novo nome. A instância no MSSQL 2005 é o que podemos definir como ambiente, em uma instância são configurados usuários, databases,... Geralmente cria-se uma nova instância quando os grupos de trabalhos são diferentes e possuímos apenas 1 servidor.

 

Ao clicar em “Next recebi um aviso que já existem componentes instalados, isto ocorreu porque instalamos o Visual Studio primeiro, porém não tem problema, pois o instalador irá desconsiderar estes componentes.

 

 

 

 

Seguindo para a próxima etapa será nos apresentada a tela de senhas, nesta tela pode ser inserida uma senha para cada serviço ou uma mesma senha para todos os serviços

Pode-se escolher uma senha de conta do Windows ou de um domínio, como não estou em um domínio vou selecionar uma senha do Windows Vista, mas em servidores o ideal é utilizar uma conta de domínio:

Temos a opção de selecionar quais serviços devem ser iniciados com o Windows, o ideal é selecionar conforme abaixo:

 

 

 

O próximo passo será definir a forma de Autenticação no MSSQL 2005. Eu sempre utilizo o Mixed Mode, pois facilita na administração. Alguns DBAs modificam a conta “SA” e utilizam somente o Windows Authentication.

Coloque sempre senhas mistas, contendo: letras maiúsculas, letras minúsculas, números e caracteres especiais.

 

 

Seguindo para a próxima etapa nos será apresentada a tela de configuração de Collations, para quem não sabe as Collations são regras para a database. No Brasil utilizamos.  As demais collations variam de acordo com a aplicação a ser utilizada. No caso do Protheus recomenda-se a Binary alegando-se melhora de desempenho, eu sempre utilizo Case-Sensitive uma vez que o sistema também trabalha assim.

Pesquisei no site HTTP://www.technetbrasil.com e abaixo explanarei trechos de um artigo.

Caso opte por Binary o MSSQL trata os dados sem considerar acentos, maiúsculas e minúsculas, conforme abaixo:

Se for escolhida uma sequência de ordenação não sensível a maiúsculas e minúsculas, SQL Server considera valores de caracteres que diferem apenas em casos como igual no valor. Ou seja, ' João ' = ' joao '

Caso pegássemos um mesmo nome gravado com maiúscula e minúsculas o MSSQL entenderia:

 

col1 hex values

----- - ------------

John = 0x4a6f686e20

John = 0x4a6f686e20

JOhn = 0x4a4f686e20

John = 0x4a4f686e20

JoHn = 0x4a6f486e20

JoHn = 0x4a6f486e20

John = 0x4a6f686e20

JohN = 0x4a6f684e20

JohN = 0x4a6f684e20

john = 0x6a6f686e20

john = 0x6a6f686e20

john = 0x6a6f686e20

 

Executar a seguinte consulta num servidor com uma sequência de ordenação não sensível a maiúsculas e minúsculas devolve os seguintes resultados:

select DISTINCT(col1) from T1 go

 

col1 ----- John (1 row(s) affected)


No entanto, executar a mesma consulta num servidor com uma sequência de ordenação sensível a maiúsculas e minúsculas devolve os seguintes resultados:

col1 ----- John JOhn JoHn JohN john (5 row(s) affected)

O Binary é mais rápido para aplicações não sensíveis a maiúsculas e minúsculas; Como a aplicação do Protheus trabalha com CASE SENTIVIE utilizar binary não traz ganho algum, logo deixo que cada um faça sua escolha.

 

Nossa próxima tela é a de envios de erros e modos de utilização novamente:

 

 

 

No próximo passo clique em “install”:

 

 

Será exibida a tela de instalação dos componentes:

 

 

 

Após o final clique em “Next” e a instalação será concluída.

 

O próximo passo será você criar sua database, criar planos de manutenção e depois configurar a ODBC e o Top para que o Protheus consiga acessá-los, isto será explicado em um próximo artigo.

 

Abraços!

 

Paulo Roberto Bindo

Veti - Visão Empresarial em Tecnologia da Informação

Diretor de Projetos

Tel: +55 (11) 3791-6800

paulo.bindo@veti.com.br

paulo.bindo@supeerp.com.br

São Paulo - SP

www.veti.com.br

VOLTAR